Comprar Ingressos

MÚSICA

KIKO DINUCCI E CADU TENÓRIO: IMPERADOR KETCHUP

KIKO DINUCCI E CADU TENÓRIO: IMPERADOR KETCHUP

02.04.19: terça-feira, às 20h

Juntos, Cadu Tenorio e Kiko Dinucci fazem a trilha sonora ao vivo para o filme Imperador Ketchup (Tomato Kecchappu Kōtei), de Shūji Terayama.


Talvez, esse seja o filme mais controverso de todos os tempos. O ano é 1971, o Mundo havia sofrido uma revolução sexual nos anos anteriores e nunca a expressão da libido fora tão propagada e estimulada. Uma nova geração se insurgira contra todos os padrões estéticos e morais da geração anterior. Proclamavam o amor livre e a paz como valores norteadores para protestar contra o que lhes fora imposto. É preciso compreender tal contexto para perceber como O Imperador Ketchup fora concebido e em que ânimos estava o Mundo quando o filme estava em produção.


Quem conhece o diretor, sabe a sua capacidade artística de explorar da polêmica temas atemporais, criando algum tipo de identificação, mesmo que a realidade mostrada seja suja e indecifrável.


SINOPSE

Num futuro não muito distante, uma espécie de regime totalitário surgiu. Em seu núcleo de governo estavam apenas crianças, que criaram um estatuto para esta nova comunidade com três mandamentos obrigatórios: 1) Os Adultos que aborrecem as crianças usando a força física ou sendo muito protetores terão o seu estatuto de cidadão removido; 2) Os Adultos que roubam os doces das crianças, que proíbem a liberdade de expressão e a sexual e que tentam impor castigos em matéria de educação, serão punidos pela pena de morte; 3) Em nome de Deus, todas as crianças aproveitarão as suas liberdades: liberdade de conspiração, liberdade sexual, liberdade para praticar sodomia e liberdade para usar a Bíblia como papel higiênico. 


Imperador Ketchup (Tomato Kecchappu Kōtei)

1971 - Japão

72 minutos

Direção: Shūji Terayama


KIKO DINUCCI

É um dos músicos e compositores brasileiros mais importantes do início do século 21. Iniciou sua carreira liderando o grupo de samba Afromacarrônico, em parceria do sambista Douglas Germano, colaborou com grandes nomes da música brasileira, estando envolvido diretamente nos trabalhos mais recentes de Elza Sores e Jards Macalé. Atualmente, também conta com sua própria carreira solo e é integrante do grupo Metá Metá.


CADU TENÓRIO

Carioca, é um dos mais prolíficos nomes da cena experimental brasileira, lançando diferentes projetos como "Ceticências", "Sobre a Máquina", "VICTIM!" e "Anganga", além de flertar com outras artes, como a linguagem digital, as artes visuais e outras experiências multiplataforma.

MÚSICA

Mauricio Tagliari: Canções Tardígradas 01, 08, 15 e 22.07.19: segundas às 20h

Mauricio Tagliari: Canções Tardígradas

MÚSICA

ZÉ MANOEL E FILIPE MASSUMI: HIATO 23.07.19: terça-feira, às 20h

ZÉ MANOEL E FILIPE MASSUMI: HIATO

TEATRO

Ana Carolina Marinho, Cristiano Burlan: Exercício de Incerteza 11, 12, 18, 19, 25 e 26.07.19: quintas e sextas às 20h

Ana Carolina Marinho, Cristiano Burlan: Exercício de Incerteza

ARTES VISUAIS

Divergência estética: Primeiro nó da Malha 29.06 a 20.08.19: seg a sex, 9h às 21h

Divergência estética: Primeiro nó da Malha

MÚSICA

Carla Boregas, Juliana R. e MTakara 29.07.19: segunda-feira às 20h

Carla Boregas, Juliana R. e MTakara

MÚSICA

Vovô Bebê: Dentro da Selva 30.07.19: terça-feira, às 20h

Vovô Bebê: Dentro da Selva

LITERATURA

Sinapses Poéticas: Paulo Mendes Campos por Xico Sá 31.07.19: quarta às 20h

Sinapses Poéticas: Paulo Mendes Campos por Xico Sá

LITERATURA

Sinapses Poéticas: Sylvia Plath por Cida Moreira 28.08.19: quarta às 20h

Sinapses Poéticas: Sylvia Plath por Cida Moreira