Comprar Ingressos

MÚSICA

Carla Boregas, Juliana R. e MTakara

Carla Boregas, Juliana R. e MTakara

29.07.19: segunda-feira às 20h

Formado por Mauricio Takara (Hurtmold), na bateria e eletrônicos, e Carla Boregas (Rakta) e Juliana R., nos sintetizadores, o trio apresenta um encontro de influências da música noise, ambiente e minimalista, trazendo uma atmosfera cinematográfica. Em março de 2019, tiveram sua estreia no Sesc Paulista, a convite do selo "A Onda Errada", dentro do Festival Supersônica.


JULIANA R. sintetizadores

Possui um trabalho solo onde mistura gravações prévias num cassete de quatro pistas como suporte, acrescentando vozes e synth ao vivo. Seu último disco, "Tarefas Intermináveis", foi lançado em 2017 e escolhido pela APCA - Associação Paulista de Críticos de Artes – como um dos melhores discos do ano. Compõe trilhas para peças, performances e filmes e é co-criadora da A Onda Errada, selo voltado para lançamentos e apresentações de artistas com composições eletrônicas voltadas para a experimentação.


CARLA BOREGAS sintetizadores

Nasceu, vive e trabalha em São Paulo. Começou seu caminho autodidata na música como baixista da banda RAKTA, em 2012. Em projeto solo, que leva seu nome, se aprofunda na música experimental e intuitiva, sendo sua principal prática sonora a manipulação de sons sintetizados com enfoque na repetição, sensorialidade e memória sonora. Também é parte do duo de música eletrônica abstrata FRONTE VIOLETA e, desde 2013, está à frente do selo independente DAMA DA NOITE DISCOS.


MAURICIO TAKARA bateria e sintetizadores

Começou a tocar bateria em 1992 e logo formou com amigos a banda de hardcore Small Talk. Ao longo dessa década, participou de forma ativa no cenário underground tocando com várias bandas e em projetos paralelos. Em 1998, formou o sexteto de rock instrumental Hurtmold, que já lançou sete discos, sendo o mais recente em parceria com o percussionista Paulo Santos do grupo Uakti, intitulado "Curado". Takara já teve seu trabalho citado em diversas publicações brasileiras como a Rolling Stone, Modern Drummer Brasil, +Soma, Bravo e nas estrangeiras The Wire (Inglaterra), CODA (Canadá), Gonzo (circus) (Holanda), e etc. Atualmente, além de fazer shows com suas bandas, Mauricio divide seu tempo entre sessões de improvisação com formações variadas, sessões de gravação em estúdio e continua sua pesquisa para encontrar diferentes formas de usar a bateria e a percussão em conjunto com outros instrumentos acústicos e eletrônicos.

MÚSICA

Maurício Pereira: Clipes, Grampos e Tônicos 04, 11, 18 e 25.11.19: segundas às 20h

Maurício Pereira: Clipes, Grampos e Tônicos

MÚSICA

Victoria dos Santos: Tambor, Coxia e Carnaval 19.11.19: terça-feira, às 20h

Victoria dos Santos: Tambor, Coxia e Carnaval

PERFORMANCE

Thaís de Almeida Prado: Expurgo. da Violência. dos corpos que colidem. da asfixia. do medo de uma metrópole 07, 08, 14, 21, 22, 28 e 29.11.19: quintas e sextas, às 20h

Thaís de Almeida Prado: Expurgo. da Violência. dos corpos que colidem. da asfixia. do medo de uma metrópole

MÚSICA

Tatá Aeroplano: Um Brinde à mãe da Lua 26.11.19: terça-feira às 20h

Tatá Aeroplano: Um Brinde à mãe da Lua