Comprar Ingressos

TEATRO

Rose Rose

Rose Rose

01 a 12.12.01

Depois de conquistar o público como a matriarca do clássico da dramaturgia brasileira Eles não Usam Black Tie no início deste ano, a atriz Ana Lúcia Torre encara outro desafio: estrelar seu primeiro monólogo. A peça escolhida é Rose Rose, um passeio pela vida de uma judia de oitenta anos que ainda mantém a vitalidade e a esperança de viver num mundo sem gruerras.


Apesar de não contar com nenhum outro ator no palco, o espetáculo não pode ser classificado como um simples monólogo. Ana Lúcia contracena o tempo todo com personagens que fizeram parte da história de Rose, alguns deles presentes nas vozes de atores como Eduardo Moscovis, Vladimir Corrêa, Deoclides Golvêa e Walter Daguerre; outros, simplesmente na imaginação de quem atua e de quem assiste.


Escrito por Martin Sherman, o texto é considerado pelo diretor Roberto Vignati (que completa quarenta anos de carreira) sua maior obra desde o sucesso de Bent, também sobre a realidade judaica. Durante quase duas horas de peça, o espectador participa de um divertido e emocionante passeio por praticamente todo o século XX, da ascensão de Hitler às guerras recentes entre palestinos e israelenses.

MÚSICA

Beto Villares: amostras emocionais 03, 10, 17.02 e 02.03.20: segundas às 20h

Beto Villares: amostras emocionais

MÚSICA

Zé Antonio e Fábio Golfetti: 04.02.20: terça às 20h

Zé Antonio e Fábio Golfetti:

CINEMA

Julia Zakia em curtas 05.02.20: quarta às 20h

Julia Zakia em curtas

MÚSICA

Joana Queiroz + 6: Emaranhados 11.02.20: terça às 20h

Joana Queiroz + 6: Emaranhados

CINEMA

Leandro Goddinho em curtas 12.02.20: quarta às 20h

Leandro Goddinho em curtas

DANÇA

Beth Bastos e Núcleo Pausa: Performance-observatório 13 e 14.02.20: quinta e sexta-feira às 20h

Beth Bastos e Núcleo Pausa: Performance-observatório

CINEMA

André Bomfim em curtas 19.02.20: quarta às 20h

André Bomfim em curtas

DANÇA

São Paulo Impro Orquestra: Gume 20 e 21.02.20: quinta e sexta, às 20h

São Paulo Impro Orquestra: Gume