KOMPANHIA

a grande viagem de Marathon

a grande viagem de Marathon

1996

Uma das montagens mais emblemáticas da Kompanhia do Centro da Terra, Viagem ao Centro da Terra (1992, SP) serviu de inspiração para o lançamento da bebida isotônica Marathon, sob encomenda da Cervejaria Brahma. A expedição A Grande Viagem de Marathon ocupou um galpão de sete mil metros quadrados, alugado especialmente para o evento, e completou cinco semanas em cartaz. Atraiu não só o público interno aguardado da empresa como, na sequência, muitos outros convidados, totalizando mais de 1.200 pessoas. Para recriar o ambiente original do espetáculo, que na ocasião aconteceu em um túnel inacabado sob o Rio Pinheiros, foram concebidos infláveis tubulares de lona plástica preta com areia no chão. O inusitado equipamento se estendia por incrível um quilômetro de comprimento pelo espaço.    


O diretor Ricardo Karman e o artista multimídia Otávio Donasci buscaram impregnar a viagem com doses de emoção realista. O sentido de aventura já começava dentro de um ônibus, que buscava os participantes em seus pontos de venda e os deixava no galpão, marco inicial da expedição de uma hora e meia de duração pelo túnel cenográfico. A partir dali eles vivenciariam uma peregrinação que previa obstáculos, desafios e interação com alguns personagens.


Logo de cara, já descalços, os vendedores paravam em uma biblioteca, onde um velho sábio lhes contava uma lenda sobre a origem mítica do isotônico perfeito. Duzentos metros à frente, em total escuridão e utilizando cordas como guias, o grupo adentrava um labirinto. Mais adiante chegavam a uma arena onde dois lutadores de luta livre confrontavam-se: o mais forte representava o Gatorade (concorrente do Marathon no mercado) e o outro, menor e aparentemente mais fraco, simbolizava o novo produto da Brahma. Este era derrotado na primeira fase, mas depois de beber o Marathon, vencia o rival.


A jornada prosseguia através de uma floresta de camisinhas gigantes (o Safe-Sex), composta por mulheres e homens nus dentro de cada uma delas. Minutos depois, os expedicionários alcançavam um templo e eram encorajados a participar da grande prova final. Aqueles que o desejassem, e todos aceitavam naturalmente, se despiam – embora a maioria absoluta fosse masculina, elas também se engajavam, separadas deles. E eram surpreendidos por um banho de Marathon, proporcionado por seis poderosas máquinas tipo wap. Em seguida, ainda dentro do túnel, tomavam banho em chuveiros convencionais. Então recebiam toalha, camiseta e calça com a marca do produto. Por fim, uniformizados, assistiam uma palestra sobre o isotônico e o lançamento do plano de incentivo.

KOMPANHIA

04.07.1989

Kompanhia do Centro da Terra

KOMPANHIA

525 Linhas 1989

525 Linhas

KOMPANHIA

O Santo e a Porca 1991 e 2002

O Santo e a Porca

KOMPANHIA

Viagem ao Centro da Terra 1992

Viagem ao Centro da Terra

KOMPANHIA

A Grande Viagem de Merlin 1995

A Grande Viagem de Merlin

KOMPANHIA

2001

Teatro do centro da terra

KOMPANHIA

2005

sobre-viventes

KOMPANHIA

2005

I Mostra de drama­turgia

KOMPANHIA

2005 a 2016

O Ilha do Tesouro

KOMPANHIA

2007

O Kronoscópio

KOMPANHIA

2007

Pneuma

KOMPANHIA

2010

Teatrokê

KOMPANHIA

2010

Aguáh - Billings

KOMPANHIA

2011

biliri e o pote vazio

KOMPANHIA

2010 a 2014

Sarau Noites na Taverna

KOMPANHIA

OVONO 2016

OVONO