Ingressos Como apoiar

MÚSICA

Sandra-X: Peregrina_em_novas_perambulações

Sandra-X: Peregrina_em_novas_perambulações

11.06.2019, terça-feira, às 20h

No recém-lançado segundo álbum solo, Sandra-X aprofunda as pesquisas em torno do texto falado, da prosa em convívio com a poesia e da rispidez da textura eletrônica com a suavidade e organicidade da voz humana. Mas ao contrário do trabalho anterior lançado em 2016 (Turbulência), Sandra-X volta a cantar mais. Retoma contornos melódicos que são sua origem musical e posiciona esse canto hierarquicamente no mesmo plano do spoken word com que entoa os textos da consagrada Clarice Lispector ou das contemporâneas e não menos inquietas Claudia Schapira, Maria Giulia Pinheiro, Eveline Sin, Laura Ghellere, Raiça Bomfim. 


Para esta ocasião única, no Centro da Terra, p e r e g r i n a conta com as parcerias estruturais do trabalho: lives de Bianca Turner, nas visualidades, e Felipe Julian (aka Craca), nos eletrônicos. Mas a novidade é que Sandra-X começa a experimentar novas perambulações sonoras com a participação de músicos tocando junto aos eletrônicos que compôs. São eles Giovanino Di Ganzá, Erica Navarro e Gregory Slivar.


SANDRA-X

Vinda de trabalhos como o Vésper Vocal, o grupo A BARCA e o Projeto Axial, a paulistana Sandra-X sempre foi muito envolvida com as outras artes cênicas, além da música, nesses mais de 30 anos de carreira. Em 2014, juntou-se ao Coletivo Teatro Dodecafônico e as experiências em derivas, travessias, intervenção e performance urbana marcam profundamente seus trabalhos musicais mais recentes: "Turbulência" (2016 / Circus produções) e "p e r e g r i n a" (2018 / Hystereofônica). Com esse coletivo, perambula não só pelo espaço físico das cidades, mas também vai de encontro aos muitos não-lugares da mulher e do gênero nesta sociedade, para além das definições sedentárias a que tratam de nos acostumar. A performance ao vivo do recém-lançado álbum é uma reação inevitável aos processos artísticos aos quais Sandra se submete musicalmente, nas ruas, constantemente fazendo trilhas sonoras para dança, trabalhando em projetos intensos como o Mulheres Possíveis, que lida com mulheres em privação de liberdade.


FICHA TÉCNICA

Sandra-X: voz e processamento ao vivo de efeitos

Felipe Julian: eletrônicos

Bianca Turner: projeções


Participações especiais em instrumentos acústicos: Erica Navarro, Giovanino Di Ganzá e Gregory Slivar

DANÇA

Isis Marks: Conversas com Francesca 29 e 30.09, 06 e 07.10.22, quintas e sextas às 20h

Isis Marks: Conversas com Francesca

MÚSICA

FERNANDO CATATAU: FRITA 10, 17, 24 e 31.10.22, segundas às 20h

FERNANDO CATATAU: FRITA

MÚSICA

CORPO EXPANDIDO: IMAGEM SONORA 11.10.22, terça às 20h

CORPO EXPANDIDO: IMAGEM SONORA

DANÇA

CAMILA VENTURELLI E JULIA TELES: ÉTER 13 e 14.10.22, quinta e sexta às 20h

CAMILA VENTURELLI E JULIA TELES: ÉTER

MÚSICA

RICARDO DIAS GOMES: MISSÃO-EMOÇÃO 18.10.22, terça às 20h

RICARDO DIAS GOMES: MISSÃO-EMOÇÃO

DANÇA

+ UMA COMPANHIA: TE VER DE PERTO VALE A VIAGEM 20 e 21.10.22, quinta e sexta às 20h

+ UMA COMPANHIA: TE VER DE PERTO VALE A VIAGEM

MÚSICA

EIRAS E BEIRAS: DIXCULPA, TAVA DIXTRAÍDA 25.10.22, terça às 20h

EIRAS E BEIRAS: DIXCULPA, TAVA DIXTRAÍDA

DANÇA

ADRIANA NUNES: TODO 27 e 28.11.22, quinta e sexta às 20h

ADRIANA NUNES: TODO

CURSO ARQUIVO

Preto Vidal: Núcleo teatral aconteceu no Centro da Terra sábados, 10h às 12h

Preto Vidal: Núcleo teatral

CURSO ARQUIVO

Mariana Taques: aulas de dança aconteceu no Centro da Terra terças, 10h às 12h

Mariana Taques: aulas de dança

CURSO ARQUIVO

Dresler Aguilera: Contato Improvisação: ancorar para suspender. aconteceu no Centro da Terra quintas, 10h às 12h

Dresler Aguilera: Contato Improvisação: ancorar para suspender.